In Poemas

Destino?

Você acredita no destino? E nessa coisa de histórias que são cruzadas de propósito por ele?
Você acredita no amor verdadeiro?
E naquela história de que quando duas pessoas estão destinadas a ficar juntas elas irão ficar?
Porque é exatamente assim que me sinto quando o assunto é você, nosso amor
É exatamente isso que passa pela minha cabeça quando lembro do que éramos
E que talvez um dia voltaremos a ser
É exatamente isso que sinto por ti, um amor verdadeiro...
Eu nunca fui de me apegar, que não queria me apaixonar
Eu que fugi de relacionamentos enquanto pude
Acabei caindo de amores por você, seu jeito de falar pensar, de me amar
Eu que achava o amor um bela porcaria, aprendi a amar nosso jeito de nos amar...
Eu acredito que foi o destino que nos colocou junto e agora nos separou
Mas eu sei que o que sinto por ti é forte, resistente, e pode ser uma bela amizade hoje
Mas daqui dias, semanas, meses ou anos isso pode ser algo bem mais que isso
Isso pode ser um casamento e uma vida inteira de felicidade ao teu lado
Para compensar todo o tempo que ficamos separados
Para compensar todo o tempo que não pude te amar intensamente
Para compensar todo essa distância entre nós que o maldito destino causo...
Talvez seja um pouco idiota da minha parte ainda ter alguma esperança para nós dois
Talvez essa seja apenas uma doce ilusão que eu alimento com todo esse amor que vive em mim
Mas sinceramente isso não me importa, mesmo que eu quebre a cara
Estarei feliz por ter acreditado enquanto pude, estarei feliz por ter te amado mais do que já amei
Esterei feliz por estado contigo todo o tempo e por nunca ter largado sua mão
Mesmo quando isso era o que mais queria fazer...
Você acredita no destino?
Pois eu acredito estar destinada a amar você, mesmo que tudo diga ao contrário
Mesmo que eu conheça outros amores, mesmo que eu viva outros romances
Nada nunca será tão forte pelo que senti e sinto por ti
Ninguém nunca irá superar o seu lugar no meu peito
Você sempre será os motivos de boa parte dos meus risos
E você sempre poderá contar comigo
Pois eu estarei aqui sempre...
Você acredita em destino?
Porque eu acredito ter sido destinada a você...

C. M. De Lima



Related Articles