In Poemas

Sempre um pelo outro

Há algo que sempre guia meus pensamentos até você
Mesmo quando não quero pensar em você
Mesmo quando eu nem se quer cogitei lembrar de você num dia
Minha mente se acostumou a ser guiada até você
Até as lembranças de nós juntos, dos nossos carinhos, das nossas brigas
E de quando fazemos as pazes...
As vezes me sinto meio fora de órbita, confusa, e no meio de um caos instalado na minha mente
Mas basta receber um "oi" seu e as coisas começam a se aquetar e uma paz me invade
Com o passar do tempo que conversamos as vozes se vão, o caos termina
E eu me sinto em órbita outra vez...
Talvez você não conheça o tamanho do seu poder sobre mim
Nem tão pouco como os simples momentos são capazes de me deixar sorrindo por horas
Todas as vezes em que meu remédio falhou você estava lá
Todas as vezes em que eu perdi o controle você estava lá
E eu sei que se outras vezes dessas acontecerem, você estará lá
Talvez como meu grande amor, ou como meu melhor amigo
Mas de forma ou outra você estará lá...
Pode ser que esse sentimento me destrua, e me faz chorar as vezes
Pode ser que ele dure uma vida, ou um ano
Pode ser que ele nunca nos leve a lugar nenhum, ou que nos leve longe
Mas nós sabemos o quanto nos faz mal pensar tão longe
Então, vamos apenas aproveitar o agora
A companhia um do outro, as manias, e até mesmo as coisas mais estranhas
Vamos apenas aproveitar tudo isso que está acontecendo
E deixar que o tempo nos mostre se vai dar certo ou não...
Por mais que nossa ansiedade nos faça querer pensar adiante sempre
Vamos apenas desta vez deixar o tempo mostrar o que irá acontecer
E ter aquela famosa paciência e viver aquele cliché de "onde o destino irá nos levar"...
Mesmo quando está tudo uma confusão, você consegue entender
Mesmo quando está tudo alto, você consegue fazer se calarem
Mesmo quando está tudo em silêncio, você consegue fazer a melhor melodia toda
Mesmo quando está tudo em ódio, você consegue ser amor
Mesmo quando está tudo agitado, ansioso, você consegue parar, acalmar e trazer paz
Pode ser complicado, estranho, confuso, idiota
Mas sempre estaremos lá um pelo outro
Por amor ou amizade
Sempre um pelo outro...

C. M. De Lima


Related Articles