A dor no gatilho...

4:35 PM

Eu não grito minha dor aos 4 cantos do mundo
Embora muitas vezes minha vontade seja essa
Eu não tento concertar minha mente
Apenas busco manter a minha pouca sanidade
Eu não gosto que o mundo saiba do que sinto
Muito menos do porque de tamanha dor
Não quero pessoas me apontando o dedo
E dizendo o que fazer da minha vida
Por mais próxima que seja de tal indivíduo...
Não é que goste ou ache certo ficar sozinho
Mas as vezes estar sozinho é a melhor coisa que há
Poder estar só consigo mesmo e pensar
Em como irá ser o amanhã...
As pessoas muitas vezes acham que a dor é a mão que segura o gatilho
Quando na verdade ela é apenas uma das balas
Da nossa arma carregada de várias emoções e outras coisas
E quem segura o gatilho somos nós...
Eu não sei o que fazer por enquanto com o que sinto
Mas tenho a certeza de que não irei gritar, chorar ou qualquer outra coisa
Ficarei apenas segurando o gatilho
E o que eu achar certo então farei...
Talvez eu troque as balas, talvez eu não faça nada
Eu não queria estar escrevendo algo tão triste
Mas com tantos problemas que há no mundo
É muito mais difícil ser feliz do que se imagina
E muito mais difícil é ser alguém
Que no fundo, nunca quis não acordar no outro dia
Existem vários problemas e erros no mundo
E minhas tentativas frustradas de tentar melhorar tudo
E querer bem ao menos minha família
Acabará me matando...

~C. M. De Lima


You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook

Flickr Images